METADE DOS MINISTROS DE TEMER É DE ENROLADOS COM A JUSTIÇA..

ministro enroladosDos 26 atuais ministros do presidente Michel Temer, 12 são réus, alvos de inquérito ou enrolados em algum escândalo.

A acusação mais comum é a de improbidade administrativa, que atinge quatro deles:

Eliseu Padilha (Casa Civil), Helder Barbalho (Integração), Gilberto Kassab (Ciência) e José Serra (Itamaraty). Os demais crimes envolvem corrupção, fraude de licitação, peculato e até falsidade ideológica.

 

Deixe seu comentário