Lula admitiu que o sítio de R$ 4,5 milhões foi um “presente-surpresa”, Bumlai desmente tudo.

presenteOntem a noite, o ex-presidente Lula da Silva resolveu edulcorar um pouco mais a complicada história sobre o sítio de Atibaia. No discurso que fez na festa dos 36 anos do PT, Rio, ele por pouco não admitiu que o sítio foi um “presente” de R$ 4,5 milhões, tudo a partir da iniciativa de um velho amigo sindicalista petista, Jacó Bittar.

O que disse Lula:

“Ele inventou de comprar uma chácara para que eu pudesse utilizar quando eu deixasse a Presidência. Fizeram uma surpresa para mim até o dia 15 de janeiro”.

Para levantar os R$ 4,5 milhões que custou o sítio adquirido, reformado e montado, onde estão até presentes que Lula ganhou na presidência, além dos pedalinhos e um barco comprado por dona Marisa, foi preciso mobilizar muita gente:

 

- R$ 1,5 milhão para comprar a propriedade, em nome do companheiro Jonas Suassuna e do companheiro Fernando Bittar.

- R$ 1,5 milhão para reconstruir o imóvel, uma surpresa paga pela Odebrecht, OAS e José Carlos Bumlai.

- R$ 1,5 milhão para instalar uma antena de celular, Otávio Azevedo, da Camargo Corrêa.

 

Deixe seu comentário